APEC -- Sobre Nós | HISTÓRIA DA APEC
Entre em contato com a APEC mais próxima: clique aqui


O MAIOR PROBLEMA NA ÁREA DO ENSINO DAS CRIANÇAS EM MINHA IGREJA É?


Total de Votos   1370
Ver Resultado

Visualizar todas Enquetes

HISTÓRIA DA APEC


APEC

 

Uma

Missão

Levantada

por

Deus.

 

Nos anos 30, em Chicago, EUA, um homem tinha o costume de interromper as brincadeiras de rua das crianças para lhes mostrar um livrinho colorido, sem nenhuma palavra. O livro continha em suas páginas, O PLANO DE SALVAÇÃO. Manuseando o Livro Sem Palavras, o tal homem falava de Cristo e do caminho para o Céu. As crianças ouviam-no, encantadas.

O cidadão chamava-se Jesse Irwin Overholtzer, que veio a ser o fundador da APEC. O fato narrado aconteceu quando Overholtzer, ainda inseguro, mas consciente do valor espiritual das crianças, vivia os seus primeiros dias de evangelista de crianças.

Aparentemente, "Mr. O" (como ficou conhecido mais tarde, por causa da pronúncia difícil do seu nome) foi despertado para a obra de evangelismo de crianças bem tarde, com cerca de 60 anos de idade. Mas até o final de seus dias, em 1958, houve tempo suficiente para que ele visse a missão, que fundou em 1937, nos Estados Unidos, organizada também em mais de 60 países. 

O Pr. Overholtzer sempre pedia a Deus em suas orações que antes da volta de Cristo, fosse organizado um movimento mundial com o intuito de ganhar as crianças para Cristo. Deus respondeu-lhe as orações, chamando-o para ser o dirigente desse movimento. E, mais depressa do que ele supunha, viu-se compelido pelo Espírito Santo a levar a APEC para além das fronteiras nacionais. A primeira porta aberta foi o Brasil.

Em 1941, ele veio ao Brasil. Fez contatos, deu palestras e desafiou os crentes. Observou o povo, a carência espiritual das crianças, o potencial dos jovens. Viu um campo pronto para a ceifa, e, obviamente, um tempo profícuo para o estabelecimento da APEC.

Os primeiros missionários da APEC no Brasil foram "emprestados". Foi o casal Harry e Frieda Briault. Eram ingleses. Estavam no Brasil havia 20 anos, servindo como missionários pela União Evangélica Sul-Americana (UESA). Eles acompanharam o Sr. Overholtzer durante a sua estada no Brasil.

Ao final da visita, o casal sentiu-se chamado a dar tempo integral a APEC. Os Briault foram os primeiros missionários da APEC no estrangeiro, e o Brasil, o segundo país do mundo a ter este ministério organizado. A partir daí, a APEC se tornou uma Organização internacional.

Atualmente, a APEC está presente em mais de 190 países, com milhares de obreiros de tempo integral, alcançando mais de vinte milhões de crianças anualmente. A Sede Internacional fica na cidade de Warrenton, no estado de Missouri, nos Estados Unidos da América. 

No Brasil, a APEC é dirigida por membros de diversas denominações evangélicas, que se constituem como Assembleia Geral, formando dentre os seus membros uma Diretoria Executiva. A Diretoria nomeia um Superintendente que exerce a função executiva. A Diretoria, em sintonia com o Superintendente, nomeia representantes para os diversos campos que trabalham com o apoio de Conselhos Representativos, formado também por membros de diversas denominações evangélicas.

A Sede Nacional fica em São Paulo, em um prédio situado à Rua Tenente Gomes Ribeiro, 216 (próxima à estação Santa Cruz do Metrô).

Hoje, a APEC desenvolve seu trabalho em 39 campos em quase todos os estados brasileiros, faltando obreiros para abertura da APEC em Alagoas, Amapá, Paraná, Rio Grande do Norte, Roraima e Tocantins.

 

Para saber mais leia o livro "O OBSTINADO MR. Ó" que conta a admirável história das lutas, provas e vitória final do homem que fundou a maior organização do mundo voltada para a evangelização das crianças. Você pode adquirir este livro através da Loja Virtual da APEC: http://apeconline.com.br/o-obstinado-mr-o.html