APEC -- COMO EDUCAR FILHOS EM NOSSA ÉPOCA? (3)
Entre em contato com a APEC mais próxima: clique aqui


O MAIOR PROBLEMA NA ÁREA DO ENSINO DAS CRIANÇAS EM MINHA IGREJA É?


Total de Votos   1603
Ver Resultado

Visualizar todas Enquetes

2017-01-02 | Administrador

COMO EDUCAR FILHOS EM NOSSA ÉPOCA? (3)

Um exemplo digno de ser elogiado e imitado

COMO EDUCAR FILHOS EM NOSSA ÉPOCA? (3)

3. COMO EDUCAR FILHOS EM NOSSA ÉPOCA?

No artigo anterior verificamos que por vivermos no contexto dos últimos dias:
• as coisas ao invés de irem melhorando, acabam piorando e se agravando cada dia mais...
• no meio da própria cristiandade há tantos que se voltam para outros deuses e abandonam ao Deus verdadeiro...
• a cada dia cresce um estilo de vida cada vez mais contrário aos princípios eternos da Palavra de Deus...

Seria possível... 
• sobreviver num tempo assim?
• formar e manter uma família?
• educar os próprios filhos?

Leiamos a continação do texto de 2 Timóteo 3.10-13: “Tu, porém, tens seguido, de perto, o meu ensino, procedimento, propósito, fé, longanimidade, amor, perseverança, as minhas perseguições e os meus sofrimentos, quais me aconteceram em Antioquia, Icônio e Listra, - que variadas perseguições tenho suportado! De todas, entretanto, me livrou o Senhor. Ora, todos quantos querem viver piedosamente em Cristo Jesus serão perseguidos. Mas os homens perversos e impostores irão de mal a pior, enganando e sendo enganados."

UM EXEMPLO DIGNO DE SER ELOGIADO E IMITADO

Há no meio de toda a impiedade, e impureza, e injustiça, pessoas que andam com Deus e que não somente devem ser elogiadas como imitadas, como é o caso de Timóteo, a quem Paulo dirige esta carta. Veja o que ele diz à Timóteo:

Timóteo era uma luz que brilhava na escuridão de sua época. Era um discípulo genuíno, verdadeiro, alguém que seguia de perto nas próprias pegadas do apóstolo Paulo. Ser discípulo é exatamente ser um seguidor.

O que Timóteo seguia? Ele agia com base naquilo que ele via em Paulo. Imitava o apóstolo nas seguintes áreas:

No Ensino – Há uma base de fé. Há um corpo doutrinário. Há verdades que não se pode abrir mão. Trata-se do ensino, da instrução que está nas páginas da Bíblia. Deste ensino é que Judas fala quando diz que devemos batalhar, ”diligentemente, pela fé que uma vez por todas foi entregue aos santos” (Judas 3).

No Procedimento – Há uma conduta, uma maneira de viver que é cristã. Há um padrão. Há um modelo. Já na primeira carta Paulo havia falado deste modelo orientando a Timóteo para que se tornasse um padrão para todos, “na palavra, no procedimento, no amor, na fé, na pureza” (1 Timóteo 4.12).

No Propósito – Trata-se de uma vida que tem alvo, que tem meta, que tem objetivo. O cristão é alguém totalmente determinado a seguir adiante, custe o que custar, concentrado numa cousa: “esquecendo-me das cousas que para trás ficam e avançando para as que diante de mim estão, prossigo para o alvo, para o prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus” (Filipenses 3.13,14).

Na Fé – Na sua confiança plena e total em Cristo, descansando no fato que Jesus é o Seu substituto e Salvador, mas também que é poderoso para guardá-lo e conduzí-lo, confiado sempre nas promessas do Senhor, que tem em Jesus Cristo o Sim e o Amém.

Na Longanimidade – Mostra a atitude de constância, de perseverança, de resistência até para suportar os dias difíceis, os homens maus e as circunstâncias que podem se tornar até desesperadoras.

No Amor – Que é derramado no coração pelo Espírito Santo, que é parte do fruto do Espírito, que leva o cristão a amar a Deus acima de todas as coisas e ao próximo como a si mesmo.

Na Perseverança – Que significa permanecer firme na maior adversidade e até sofrendo perseguição.

Nas Perseguições e Sofrimentos – Que implica ter a consciência que a vida cristã não é um “mar de rosas”, uma tranqüilidade suave, uma ausência de conflitos; muito pelo contrário, o que nos espera é exatamente passar por várias tribulações. “Ora, todos quantos querem viver piedosamente em Cristo Jesus serão perseguidos” (1 Timóteo 3.12).

Na experiência do livramento do Senhor 

Quem era na verdade Timóteo?

Como Timóteo chegou a ser um homem de tão grande valor?

Será possível formar filhos para que sejam TIMÓTEOS NESTA EPÓCA DA IDADE MÍDIA?

 

Continua no próximo número

Gilberto Celeti
Superintendente Nacional da APEC
superintendencia.apec@apec.com.br

 
| 1 | 2 |3 |4 |5 |6 |7 |8 |9 |10 |11 |12 |13 |14 |15 |16 |17 |18 |19 |20 |21 |22 |23 |24 |25 |26 |27 |28 |29 |30 |31 |32 |33 |34 |35 |36 |37 |38 |39 |40 |41 |42 |43 |44 |45 |46 |47 |48 |49 |50 |51 |52 |53 |54 |55 |